Luneta buscadora com lente x Red Dot

Neste post falaremos um pouco sobre a buscadora Red Dot que acompanha o conjunto que adquiri na compra do teléscopio Maksutov Cassegrain 90mm, além da montagem Equatorial 1 (optei por este tipo de montagem, ao invés da montagem Altazimutal Virtuoso).

Para começar, buscadora nada mais é do que aquele pequeno monóculo que acompanha o teléscópio, podendo este possuir algum tipo de ampliação ou não.

Já havia tido experiência com buscadoras que possuiam lentes, que proporcionam uma pequena ampliação na imagem (imaginem um binóculo com uma marcação de cruz na lente, para que você possa “mirar” o objeto), este tipo de acessório é de fundamental importância para a localização de objetos no céu (buscar com o próprio teléscopio, mesmo em baixas ampliações, seria extremamente penoso, as vezes até impraticável).

Existe outro tipo de buscadora (a que acompanhou meu Mak90mm): as Red Dots. O conceito é o mesmo, a diferença é que esta não possui nenhum tipo de ampliação, e a mira se dá por uma pequena luz vermelha, que forma um pontinho em um pequeno visor da buscadora (conforme foto postada anteriormente).

Depois de algum tempo de uso, acredito que a buscadora é algum muito individual, alguns defendem a com ampliação e outros defendem a red dot, mas acredito que cada um se adapte melhor com um tipo, depende do objetivo buscado.

Algumas comparações:

Luneta Buscadora com ampliação –

* Lente para aumento e com a “cruz” já na própria lente proporciona uma busca mais refinada, principalmente para que procura objetos em céu profundo;
* Não necessita de bateria;
* Por ser puramente mecânica, provavelmente possui uma durabilidade maior;
* Pouco sofre com a interferência da poluição luminosa.

Buscadora Red Dot –

* Possui uma tecnologia mais moderna;
* Bastante proveitosa para encontrar objetos planetários;
* É utilizável para a localização de objetos de céu profundo mais visíveis (em um céu com poluição luminosa mínima;
* Utiliza bateria de 3volts, o que pode gerar uma ingrata surpresa durante a observação (acabar a bateria), embora após algumas dezenas de horas utilizando ela, ainda esteja com a bateria original, ou seja, o consumo é extremamente baixo;
* No início, por falta de hábito, podemos esquecer as vezes de desligar a buscadora, após encerrar as observações,

Acredito que por o teléscopio Mak90mm ser mais indicado para observações planetárias e alguns objetos de céu profundo, pode ser esta uma das razões da buscadora ser do tipo Red Dot. Confesso que para planetas é bem tranquilo, mas para céu profundo temos que ter um pouco de paciência, e se existir uma poluição luminosa um pouco mais forte, fica praticamente inviável localizar objetos menos brilhantes com ela.

Sobre o ajuste fino de ambas, o procedimento é praticamente o mesmo, basta ler o manual que acompanha o telescópio, é bem simples. Só recomendo ir refinando o ajuste, comece mirando algo longe com a ocular de 25mm, depois refine com a de 10mm.

Havia prometido falar sobre a montagem EQ1 e suas vantagens e desvantagens, mas percebi que o tópico ficaria muito grande. Vamos deixar para uma próxima.

Até mais.

Edinaldo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s