Observações x Maksutov Cassegrain 90mm

No tópico passado, sobre DSLR x Maksutov Cassegrain 90mm, informei sobre a dificuldade na “diminuição” do campo observável quando utilizamos uma câmera DSLR com o telescópio (citei o exemplo das plêiades, que não cabiam no campo da DSLR), entretanto, para observações, este pequeno telescópio se mostra muito mais interessante.

O mesmo acompanha duas oculares: uma de 10mm e outra de 25mm, de qualidade razoável, que já permite algumas observações interessantes. Antes de proceguir, vou dar uma rápida explicação sobre a razão entre a ocular, aumento proporcionado e objeto observado.

Para calcularmos a ampliação que teremos com determinada ocular, neste caso as do kit (10 e 25mm), devemos efetuar a seguinte conta:

foco do telescópio (1250mm no caso do mak90mm)/ocular utilizada = razão ampliação. Vamos supor que utilizamos a ocular de 25mm:

Valor ampliação = 1250mm / 25mm = 50x de aumento.

No caso da ocular de 10mm, teríamos um aumento de 125x, pois 1250mm/10mm = 125x de aumento.

Caso utilize uma barlow, basta multiplicar seu valor de aumento no resultado final das contas acima, por exemplo, uma barlow 2x com a ocular de 25mm, vai gerar um aumento de 100x.

Observe o auto valor de ampliação proporcionado por este tipo de telescópio (maksutov Cassegrain) em relação aos newtonianos, estes últimos possuem uma razão focal bem menor (700mm…500mm), o que proporciona bem menos aumento, por esta razão, vemos muito a indicação dos maksutovs para observações planetárias.

Com esta pequena explicação dada, podemos deduzir algumas coisas:

1. Suspeite de telescópios vendidos nessas grandes lojas de shopping, que prometem ampliações de 500x…800x, deu para perceber que as contas não são tão simples assim;
2. A qualidade da ocular influencia diretamente na qualidade da observação, por isso citei que as oculares que acompanham este tele são razoáveis, mas com certeza você encontra no mercado sério oculares que necessitam de um alto valor para serem adquiridas;
3. Cada ocular proporciona uma melhor visualização para certos objetos, tudo depende do nosso objetivo, por exemplo, uma alta ampliação proporcionada pela ocular de 10mm não é tão interessante para observar objetos muito grandes, como nebulosas por exemplo, mas já pode ficar bem interessante para observar a nossa Lua, Júpiter, etc.

Vejo muitas vezes algumas pessoas inverterem essa razão, achando que quanto mais ampliar, melhor poderá ver uma nebulosa, e a coisa não é bem assim. Nebulosas, aglomerados, e outros objetos de céu profundo são extremamente grandes, e para serem vistos necessitam de uma baixa ampliação (por isso recomendam tanto o uso de binóculos, pois os mesmos proporcionam ampliações menores que a dos telescópios).

Assim, deveremos utilizar a maior ocular disponível para observar tais objetos (céu profundo), e como a distância focal deste mak90mm é “inclinada” para grandes aumentos, devemos utilizar as maiores oculares disponíveis, no meu caso adquiri uma ocular de 32mm, existem também as de 40mm, o que gera dúvidas de qual adquirir.

A ocular de 40mm de 1,25″ tem campo mais fechado que a de 32mm. O campo de visão verdadeiro acaba sendo o mesmo. De 32mm para 40mm a diferença não seria significativa neste telescópio. A plossl de 32mm te dará um campo de visão verdadeiro maior que a ocular de 25mm, vai ser muito bom usá-la para céu profundo. Como gera menos aumento, a ocular de 32mm concentra mais a luz e gera imagens mais brilhantes.

Por conseguinte, a uma ocular Wideangle de 6mm vai dar um aumento bem maior, e será ótima para ver planetas (pois são objetos que necessitam de grandes aumentos). Mesmo passando um pouco do limite teórico do telescópio (180x), se a noite propiciar, ainda assim é possível boas observações com tamanho aumento.

Já observei alguns objetos de céu profundo com este teléscopio,e para os “mais conhecidos”, o observador não encontrará maiores problemas, mesmo com o f/15 deste telescópio (quanto maior o F, mais escura fica a imagem), mas vale muito a pena, não deixa a desejar para teles de maior abertura e de F menor, claro, tudo dentro do limite.

Para observações lunares e de outros planetas, o telescópio também atende de forma razoavelmente satisfatória.

Quando comprei o mesmo, pensei em um “meio termo” entre o mundo planetário e de céu profundo, alta mobilidade e baixo custo, e acredito que ele cumpra bem estes pré-requisitos.

Para conhecer as capacidades do telescópio, convido para visitar o artigo com uma tabela muito bacana!

Telescópio: Refrator de 80-90mm, ou refletor de 110-114mm, ou catadióptrico de 90-127mm, com ampliação de 16x a 250x:

Sistema Solar: Estruturas das manchas solares, com filtro solar apropriado; As fases de Mercúrio. As cordilheiras lunares e crateras com menos de 4km de diâmetro; As calotas polares de Marte e as maiores estruturas escuras durante oposições; Várias faixas adicionais em Júpiter, além das sombras das luas galileanas durante os trânsitos; A divisão de Cassini nos anéis de Saturno, além de 4 ou 5 luas de Saturno; Urano e Netuno visíveis como pequenos discos;

Estrelas: Estrelas duplas separadas por 1.5 acossegundos ou menos com boas condições de visibilidade; Estrelas fracas com maginite até 12;

Objetos de Céu Profundo: Dúzias de aglomerados estrelares, nebulosas de emissão, nebulosas planetárias e galáxias;
Todos os objetos do catálogo Messier e muitos dos mais brilhantes do Catálogo NGC, de um céu bem escuro (Com alguns detalhes internos visíveis em muitas nebulosas, embora as galáxias pareçam riscos de fumaça);

Fonte: http://armazemdotelescopio.com.br/…/125-o-que-se-pode-ver-c…

Em um próximo post falarei sobre sua montagem, que no meu caso, é a EQ1 e sua buscadora Red Dot.

Até a próxima.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s